Olhar Sines no Futuro
BEM - VINDOS!!!!
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Conectar-se

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
Galeria


Junho 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 

Calendário Calendário

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Quem está conectado
14 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 14 Visitantes :: 1 Motor de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 864 em Sex Fev 03, 2017 11:03 pm

As tecnologias da Indústria 4.0

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

As tecnologias da Indústria 4.0

Mensagem por Admin em Sex Mar 17, 2017 11:49 am

Os setores da indústria chamados tradicionais são tão passíveis de modernização tecnológica como os outros, considerados mais avançados.

A Indústria 4.0 é um mosaico tecnológico de: Big Data e Advanced Data Analytics; Robotização; Nanotecnologias e Fotónica; Simulação 3D de produtos, materiais ou processos ao longo da cadeia de produção; Sistemas digitais de integração horizontal (entre empresas) e vertical (interempresa); Internet das coisas (IOT, na sigla inglesa); Cibersegurança; Cloud; Manufatura Aditiva e Impressoras 3D; Sistemas ciberfísicos (Cyber-physical systems – CPS); Inteligência Artificial e Máquinas Cognitivas; Interfaces inteligentes com os utilizadores através da Psicométrica.

A manufatura aditiva está a ser combinada hoje em dia com métodos de produção tradicional, os quais, por sua vez, são melhorados através das tecnologias digitais. As impressoras 3D estão a ter mais  aplicação porque os “tinteiros”  estão também a aperfeiçoar-se graças aos avanços nas ciências dos materiais. A impressão 3D  cria disrupção nas cadeias de valor globais. A manufatura do futuro poderá consistir numa rede global de impressoras 3D junto aos clientes. Nesse contexto, a logística entregará ficheiros com desenhos digitais e não partes ou componentes para serem assemblados!

A estratégia chave da Indústria 4.0 é a inovação nos “smart systems”, em que se incluem os produtos, os sistemas logísticos e as redes, tudo baseado na integração através da internet (internet das coisas) com software de controlo para assegurar a sustentabilidade física e ambiental. A Indústria 4.0 levará a uma integração crescente de dados ao longo do ciclo de vida do produto, do planeamento do produto e engenharia de desenvolvimento até à manufatura e às vendas.

Desde há anos que as empresas mais avançadas estão a tentar usar sistemas de gestão do ciclo de vida dos produtos (PLM – product life cycle management), ou seja um conjunto de soluções que permitem o uso consistente dos dados de definição do produto desde a sua conceção até ao seu uso final.

Os setores da indústria chamados tradicionais são tão passíveis de modernização tecnológica como os outros, considerados mais avançados. Os setores do têxtil e confeção, calçado, cerâmica, vidro, mobiliário, metalomecânica são bons exemplos. Como ministro da Indústria e Energia (1987-95), eu defendia que não havia setores obsoletos. Há  em todos os setores empresas que se modernizam e outras que não o fazem e desaparecem. Setor tradicional significa apenas que faz parte da nossa tradição industrial, o que é comprovado pelo sucesso de empresas portuguesas desses setores no mercado externo.

Luís Mira Amaral, Administrador da SPI-Consultoria Empresarial e Fomento da Inovação SA
 00:10
Jornal Económico

_________________
Cláudio Carneiro


Facebook
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 16760
Pontos : 49157
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/12/2013
Idade : 30
Localização : Sines

Ver perfil do usuário http://olharsinesnofuturo.criarforum.com.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum