Olhar Sines no Futuro
BEM - VINDOS!!!!
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Conectar-se

Esqueci minha senha

Palavras chave

Últimos assuntos
Galeria


Outubro 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    

Calendário Calendário

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Quem está conectado
13 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 13 Visitantes :: 1 Motor de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 864 em Sex Fev 03, 2017 11:03 pm

As tecnologias da Indústria 4.0

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

As tecnologias da Indústria 4.0

Mensagem por Admin em Sex Mar 17, 2017 11:49 am

Os setores da indústria chamados tradicionais são tão passíveis de modernização tecnológica como os outros, considerados mais avançados.

A Indústria 4.0 é um mosaico tecnológico de: Big Data e Advanced Data Analytics; Robotização; Nanotecnologias e Fotónica; Simulação 3D de produtos, materiais ou processos ao longo da cadeia de produção; Sistemas digitais de integração horizontal (entre empresas) e vertical (interempresa); Internet das coisas (IOT, na sigla inglesa); Cibersegurança; Cloud; Manufatura Aditiva e Impressoras 3D; Sistemas ciberfísicos (Cyber-physical systems – CPS); Inteligência Artificial e Máquinas Cognitivas; Interfaces inteligentes com os utilizadores através da Psicométrica.

A manufatura aditiva está a ser combinada hoje em dia com métodos de produção tradicional, os quais, por sua vez, são melhorados através das tecnologias digitais. As impressoras 3D estão a ter mais  aplicação porque os “tinteiros”  estão também a aperfeiçoar-se graças aos avanços nas ciências dos materiais. A impressão 3D  cria disrupção nas cadeias de valor globais. A manufatura do futuro poderá consistir numa rede global de impressoras 3D junto aos clientes. Nesse contexto, a logística entregará ficheiros com desenhos digitais e não partes ou componentes para serem assemblados!

A estratégia chave da Indústria 4.0 é a inovação nos “smart systems”, em que se incluem os produtos, os sistemas logísticos e as redes, tudo baseado na integração através da internet (internet das coisas) com software de controlo para assegurar a sustentabilidade física e ambiental. A Indústria 4.0 levará a uma integração crescente de dados ao longo do ciclo de vida do produto, do planeamento do produto e engenharia de desenvolvimento até à manufatura e às vendas.

Desde há anos que as empresas mais avançadas estão a tentar usar sistemas de gestão do ciclo de vida dos produtos (PLM – product life cycle management), ou seja um conjunto de soluções que permitem o uso consistente dos dados de definição do produto desde a sua conceção até ao seu uso final.

Os setores da indústria chamados tradicionais são tão passíveis de modernização tecnológica como os outros, considerados mais avançados. Os setores do têxtil e confeção, calçado, cerâmica, vidro, mobiliário, metalomecânica são bons exemplos. Como ministro da Indústria e Energia (1987-95), eu defendia que não havia setores obsoletos. Há  em todos os setores empresas que se modernizam e outras que não o fazem e desaparecem. Setor tradicional significa apenas que faz parte da nossa tradição industrial, o que é comprovado pelo sucesso de empresas portuguesas desses setores no mercado externo.

Luís Mira Amaral, Administrador da SPI-Consultoria Empresarial e Fomento da Inovação SA
 00:10
Jornal Económico

_________________
Cláudio Carneiro


Facebook
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 16760
Pontos : 49157
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/12/2013
Idade : 30
Localização : Sines

Ver perfil do usuário http://olharsinesnofuturo.criarforum.com.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum