Olhar Sines no Futuro
BEM - VINDOS!!!!
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Conectar-se

Esqueci minha senha

Palavras chave

Últimos assuntos
Galeria


Outubro 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    

Calendário Calendário

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Quem está conectado
16 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 16 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 864 em Sex Fev 03, 2017 11:03 pm

Catalunha avança, Extremadura esperado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Catalunha avança, Extremadura esperado

Mensagem por Admin em Qua Mar 29, 2017 12:03 pm

Rajoy anunciou o trecho Catalão do Corredor Atlântico em 2020 e 1.900 milhões para a rede suburbana e nossa região ainda está esperando comboio rápido


"A Extremadura não podemos ser convidados a crescer e ter os mesmos níveis de renda do que o resto da Espanha com comunicações século XIX porque estamos competindo com as comunidades que têm infra-estrutura do século XXI", que teve que lamentar novamente ontem, presidente do Conselho, Guillermo Fernández Vara. No entanto, gostaria de acrescentar que não "entrar em uma dinâmica de confronto entre territórios dizendo que alguns levam mais tempo do que outros." Manifestações Vara veio após o anúncio do primeiro-ministro, Mariano Rajoy, a implementação de um plano de investimento para a Catalunha, que fornece 1.900 milhões para a rede de trens (Rodalies) para 2020 e o compromisso que stretch catalã do corredor Mediterrâneo (uma avenida para rede de negócios de frete de transporte impulso na área) estará pronto na primavera de 2020. Enquanto isso, Extremadura vai ter que esperar mais dois anos para obter trem rápido (não Ave) e ainda nenhum relatório ou o Ministério das Obras públicas para a adaptação do orçamento ferroviário Badajoz-Puertollano, com o qual você pode participar da seção de Português Sines-Badajoz (que também tem tomado medidas suficientes para a frente) e chegar a Madrid. Antes que se envolver com o layout de Algeciras. Assim, ele também poderia melhorar o transporte de mercadorias tendo em conta a grande porta que representa a porta de Luso e implementação da plataforma logística de Badajoz (cujas obras já foram iniciadas).

Mas o progresso até agora em território de fronteira são lentos e escassos. "Esperamos que o investimento anunciado na Catalunha é feita sem prejuízo dos compromissos adquiridos lá com o resto do território", disse Fernández Vara. E lembrou-se da promessa do ministro do Desenvolvimento, Inigo de la Serna (durante sua visita no início de fevereiro para Garrovillas), "de alguns investimentos no próximo ano e meio, até janeiro de 2019," para a região contar, pelo menos, uma rede ferroviária "de motores diesel de alta performance projetado para encurtar viagem eletrificação aguardando, viria em 2020 (o AVE não foi discutida a qualquer momento).

"Eu exijo que eu acho que pertence a Extremadura e também muito tarde. A partir daí, o governo tem que decidir a política de investimento em nosso país, e eu não irá colidir com os outros ", disse o presidente da Extremadura. E acrescentou que não aspira "para ganhar votos à custa da Catalunha, porque é simplesmente inadmissível." "Todo mundo defende sua própria", acrescentou, em declarações feitas no programa de hoje notícias 13TV e recolhidos pela Europa Press.

Enquanto isso, a partir de Catalunha, e depois de aprender o orçamento previsto para a comunidade, também lançaram crítico assegurar que a infra-estrutura do corredor Mediterrâneo levando um atraso de pelo menos cinco anos e melhorias na proximidade da rede, mínimo dez.

A verdade é que a comunidade catalã receberá 1.900 milhões em 2020 e 2.000 mais no período entre 2021 e 2025, enquanto o compromisso de Obras Públicas Extremadura é de cerca de 250 milhões para este 2017 e lembre-se que e eles investiram 1.000 milhões em anos anteriores. Na verdade, De la Serna sublinhou "os importantes esforços do Governo no corredor ferroviário fronteira atual."

Rocío Sánchez Rodríguez
29/03/2017
El Periódico Extremadura

_________________
Cláudio Carneiro


Facebook
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 16760
Pontos : 49157
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/12/2013
Idade : 30
Localização : Sines

Ver perfil do usuário http://olharsinesnofuturo.criarforum.com.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum