Olhar Sines no Futuro
BEM - VINDOS!!!!
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Tópicos similares
    Conectar-se

    Esqueci minha senha

    Palavras chave

    Últimos assuntos
    Galeria


    Agosto 2017
    DomSegTerQuaQuiSexSab
      12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    2728293031  

    Calendário Calendário

    Flux RSS


    Yahoo! 
    MSN 
    AOL 
    Netvibes 
    Bloglines 


    Quem está conectado
    17 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 17 Visitantes :: 1 Motor de busca

    Nenhum

    O recorde de usuários online foi de 864 em Sex Fev 03, 2017 11:03 pm

    Dogmas e Milagres

    Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

    Dogmas e Milagres

    Mensagem por Admin em Ter Abr 04, 2017 10:45 am

    O investimento público é, em muitas situações, condição necessária para a existência de investimento privado.

    Por definição, dogma, em filosofia, é uma crença que não admite contestação. A crença de que a austeridade é a solução purificadora para os males da nossa economia e que é a panaceia para todas as suas doenças tem sido, da parte de alguns dos nossos mais célebres economistas, uma atitude claramente dogmática. Sendo uma atitude dogmática, não pode aceitar outra qualquer solução que conteste ou ponha em causa a crença inicial. Assim, quando com outros instrumentos e com outra definição de política se conseguem resultados positivos no crescimento, no deficit e no emprego, só pode mesmo ser um milagre.

    Da mesma forma, é incontestável a crença (geralmente defendida pelos mesmos economistas) de que o investimento público tem um efeito “crowding out” do investimento privado, i.e., empurra este último para fora da economia. Com base nesta crença, o investimento público é nefasto. Não só ataca o equilíbrio das contas públicas como se substitui ao investimento privado. Ora, cada vez mais parece evidente a alguns de nós (menos célebres economistas) que o investimento público é complementar ao investimento privado.

    Na linha do que tem escrito Mariana Mazzucato, o investimento público é, em muitas situações, condição necessária para a existência de investimento privado. Com alguma flexibilidade das instâncias europeias, e com algum poder negocial (que o nosso primeiro-ministro tem dominado com mestria), este mesmo investimento pode ser posto de lado para efeitos de contabilização do deficit agora que saímos do procedimento por deficit excessivo. Assim – e voltamos ao campo dos milagres –, podemos ter investimento público que não nos atrapalha as contas públicas e que fomenta e cria investimento privado.

    Na maioria dos casos, o dogmatismo económico assenta em modelos teóricos complexos que preveem determinadas dinâmicas e determinadas relações entre as variáveis. A realidade deve reagir de acordo com a receita dos modelos e qualquer outra alternativa ou prescrição é descabida de sentido.

    Noutros casos, o dogmatismo não tem nenhum fundamento teórico e é apenas uma crença mais ou menos injustificada e, frequentemente, baseada na ignorância: por exemplo, a convicção aparentemente inabalável de Donald Trump na inexistência de aquecimento global. Acredita e ponto.

    Mas, em qualquer dos casos, com mais suporte teórico ou pura e simplesmente por ato de fé, estas crenças têm algo em comum e daí lhes chamar dogmas: são inabaláveis e não admitem contestação. Claro que, por vezes, a realidade não bate certo com a crença: as políticas do governo PS têm permitido crescimento com contas públicas saudáveis; os países europeus que não destruíram o investimento público continuam a ser os países com maiores níveis de investimento privado e em 2016, bem como nos primeiros meses de 2017, temos assistido a um aumento da temperatura, sem precedente.

    A conclusão é por isso evidente: ou estamos a falar de milagres ou a realidade está claramente errada e temos que procurar factos alternativos!

    Francisca Guedes de Oliveira, Associate Dean da Católica Porto Business School
     00:07
    Jornal Económico

    _________________
    Cláudio Carneiro


    Facebook
    avatar
    Admin
    Admin

    Mensagens : 16760
    Pontos : 49157
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 07/12/2013
    Idade : 30
    Localização : Sines

    Ver perfil do usuário http://olharsinesnofuturo.criarforum.com.pt

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

    - Tópicos similares

     
    Permissão deste fórum:
    Você não pode responder aos tópicos neste fórum