Olhar Sines no Futuro
BEM - VINDOS!!!!
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Conectar-se

Esqueci minha senha

Palavras chave

tvi24  

Últimos assuntos
Galeria


Novembro 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Calendário Calendário

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Quem está conectado
16 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 16 Visitantes :: 1 Motor de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 864 em Sex Fev 03, 2017 11:03 pm

Barcelona compensa perdas de Algeciras e Valência

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Barcelona compensa perdas de Algeciras e Valência

Mensagem por Admin em Sex Abr 07, 2017 5:08 pm


O movimento de contentores nos portos espanhóis caiu 5% em Fevereiro e cresceu apenas 1,9% nos dois primeiros meses do ano. O conflito da estiva faz-se sentir mas o porto de Barcelona atenua-lhe os efeitos.

Em Fevereiro, os portos do país vizinho processaram 1,1 milhões de TEU, apenas menos cerca de 60 mil que no mês homólogo de 2016. Todavia, em Algeciras a perda de movimentos atingiu os 17%, ou cerca de 60 mil TEU. E em Valência chegou aos 24%, com menos cerca de 96 mil TEU.

Em contrapartida, e, logo, a impedir maiores perdas globais, o porto de Barcelona aumentou a sua actividade 50% em termos homólogos, tendo movimentado mais 82 mil TEU do que em Fevereiro do ano passado. O porto catalão foi rápido a reagir ao conflito laboral da estiva e tem funcionado como alternativa aos dos principais hubs espanhóis.

De resto, importa dizer, em Fevereiro a maioria dos portos aumentou a sua actividade nos contentores. As principais excepções, além das citadas, foram Sevilha e Bilbau.

Las Palmas também em destaque

No acumulado dos dois primeiros meses, os portos espanhóis somam 2,33 milhões de TEU, o que representa uma subida homóloga de 1,9%.

Entre os principais portos, Valência lidera as perdas, com uma quebra de 8% para 695,4 mil TEU, seguida de muito perto por Algeciras, a recuar 7,3% para  685,8 mil TEU. Juntos perderam qualquer coisa como 115 mil TEU, enquanto Barcelona ganhou 128 mil, a crescer 33,5% até aos 428 mil TEU.

Las Palmas, que nos anos mais recentes fez uma travessia do deserto, acumula agora um crescimento de 25,6% e soma 156,6 mil TEU movimentados.

Granéis líquidos alavancam crescimento

Em termos globais, o movimento de mercadorias nos portos do país vizinho cresceu 5,4%, ou 4,1 milhões de toneladas, nos dois primeiros meses do ano, tendo atingido 80,6 milhões de toneladas.

Os granéis líquidos garantiram 29 milhões de toneladas (mais 10%), a carga contentorizada fez 26,6 milhões de toneladas (mais 3,5%), os granéis sólidos chegaram aos 14,7 milhões de toneladas (mais 0,7%) e a carga geral tingiu 10,3 milhões de toneladas (mais 4,9%).

7 Abril, 2017 at 14:19
por T&N

_________________
Cláudio Carneiro


Facebook
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 16760
Pontos : 49157
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/12/2013
Idade : 30
Localização : Sines

Ver perfil do usuário http://olharsinesnofuturo.criarforum.com.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum